Chamados de Amor e de Conversão

Quem Somos

EMBLEMA-APOSTOLADO-PORTUGUES-s-fundo-site-06.07.20

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

O Apostolado é uma organização Cristã, destinada a servir e evangelizar o mundo, adstrito aos estatutos da Santa Igreja Católica Apostólica Romana.

O Apostolado é um instrumento que os Sagrados Corações Unidos e o Espirito Santo estão utilizando, para reunir ao exército Eucarístico e Mariano, que é o resto fiel. Exército que, com a oração, a penitência, a reparação e a obediência, também defenderão a Igreja de Jesus Cristo.

Esta Obra dos Sagrados Corações Unidos foi preparada e anunciada muito tempo atrás, para que fosse revelada e entendida em sua Plenitude nestes últimos tempos.

Este Carisma foi vivido pelo Pai São José, pelo Discípulo Amado e Santa Maria Madalena.

Esta Obra foi anunciada a Santa Margarida Alacoque, a Santa Faustina e a Conceição Cabrera.

Este Apostolado é um compêndio da Obra do Sagrado Coração, profetizado por São Luís de Montfort. A vida dos apóstolos, os aguerridos guerreiros de Jesus e de Maria, está contida no livro de São Luís de Montfort.

O Apostolado é uma recopilação de todas as manifestações autênticas de nossa Mamãe Celestial.

Neste Apostolado, a Mamãe do Céu, nosso Pai São José e o Coração Eucarístico vieram para concretizar o prometido em La Salette e em Fátima: o Triunfo do Coração da Mãe, que é a Porta pela qual virá o Reino Eucarístico do Sagrado Coração, “profetizado por meu filho São Luís de Montfort.”

O Apostolado, que é uma obra de Jesus, é um Último Chamado para a conversão, antes do Dia da Justiça.

E se manifesta a nós, através de um pequeno instrumento, Manoel de Jesus, escolhido esposo do Cordeiro, vitima no Amor, entregue para nossa salvação.

Este Apostolado chama os laicos e clérigos para unir-nos, examinando nossas consciências à Luz do Evangelho, aceitando a cruz e a prova com a qual Jesus deverá purificar nossas vidas, com o crucifixo na mão e o Rosário na outra.

Em silêncio e oração contínua, pedindo ao Espirito Santo o Dom da Santidade, da Humildade. Mas sobretudo, da Obediência, em imitação ao Casto e Amante Coração de São José, nosso protetor e guia. Alegres e agradecidos, por Cristo nos ter escolhido.

Escutando atentamente os Chamados de Amor e Conversão, aos quais, benditos, temos acesso pela graça e misericórdia de um Deus que nos ama com Amor Eterno.

A atividade apostólica principal do Apostolado é reunir-se em Cenáculos de oração e Adoração Eucarística.

Promover a Devoção e Consagração do mundo inteiro aos Sagrados Corações Unidos de Jesus e Maria.

15 de setembro de 2014 – Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração de Jesus

“Abram seus corações. Escutem-me e respondam com amor ao Amor de Deus. O objetivo de enviar Minha Mãe ao mundo, através deste Apostolado, é para reanima-los na oração, no sacrifício e na penitência. Consagrai o mundo aos Nossos Sagrados Corações. São Luís de Montfort havia profetizado este grande Apostolado. Seja realizado.”

Com o meu Sagrado Coração Eucarístico os abençoo: Em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.»

 

 

Os Últimos Chamados de Amor e Conversão à Humanidade

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

As mensagens, conhecidas como “Últimos Chamados de Amor e Conversão à Humanidade”, são uma recapitulação de todas as Manifestações que estão em fidelidade ao Magistério da Igreja e estão sujeitas ao seu juízo definitivo.

Todos aqueles que professam, em qualquer parte do mundo, devoção e amor aos Sagrados Corações Unidos de Jesus e Maria, são parte deste Chamado e apóstolos dos últimos tempos, sob a Fiel Proteção e Custódia do nosso amado São José.

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

O instrumento que Deus escolheu para esta missão chama-se Manuel de Jesus, que desde menino, foi favorecido com graças místicas. Até recentemente, ele esteve no anonimato.

A primeira etapa – Inicia muito jovem. O Senhor encheu meu espírito de Graças muito especiais, Místicas, Profundas, que às vezes são uma cruz para mim, porque às vezes eu não entendo tantas graças e, o próprio Senhor se encarrega de educar-me e guiar-me com a Santa Presença Materna de Maria.

A revelação da missão:

No dia 15 de julho de 2013, Nossa Senhora apareceu novamente em meu quarto, e revelou nesse dia a missão para a qual ela vinha me preparando. E a Mãe me disse:

Este quarto é a minha casinha. Daqui virá a minha Glória e meu Amor. Aqui vivo contigo e com o meu Filho Amado Jesus. Nosso amor se fará um, e os Nossos Corações Unidos estarão contigo. Eu sou Maria, Mãe da Graça, Mãe do Coração Doloroso e Imaculado, a que te ama.

A segunda etapa – Depois daquele dia, comecei a ter mais visões, mais mensagens que o pai eterno Yhavé me indicou que chame: “Últimos Chamados de Amor e Conversão para a humanidade.”

Terceira etapa – a Mãe ensina a caminhar seu filho pequeno, e revela a urgência de um Apostolado mundial, Eucarístico e Mariano. A própria Mãe, juntamente aos Chamados que dá o Senhor Jesus, o nomeou: Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e Maria.

 

Todos foram chamados a fazer parte do Apostolado, sejam bem-vindos!

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

 A Santíssima Madre disse que não importa a que carisma espiritual pertence a alma que deseja consagrar-se ao apostolado, já que Jesus e Maria querem a unidade da Igreja, e todos nós podemos fazer parte deste apostolado, sendo sal e luz do mundo, com estas mensagens desde nossa realidade espiritual. Lutemos juntos como Igreja, para que Jesus e Maria triunfem.

A Santíssima Virgem Maria está reunindo seu Exército, e você foi chamado pelos Dois Corações para fazer parte dele. Não estás aqui por casualidade. Jesus assegurou que enviaria milhares de almas para o Apostolado e que essa predição está se cumprindo AGORA.

Em 16 de agosto de 2017, o Casto e Amante Coração de São José disse algo que impressionou Manuel de Jesus:

“TODAS AS REVELAÇÕES DESTE SÉCULO, PREPARARAM A CHEGADA DO APOSTOLADO. ATÉ AS MENSAGENS DA RAINHA DA PAZ SÃO PREPARAÇÕES PARA ESCUTAR E SER PARTE DOS CHAMADOS DE AMOR E DE CONVERSÃO”

O Apostolado, portanto, não é apenas mais uma Revelação. É a revelação culminante para este fim dos tempos, onde convergem o resto das revelações dos últimos 100 anos, que são precursoras do Apostolado.

 

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

O Apostolado dos Sagrados Corações Unidos é composto por sacerdotes, religiosos, religiosas e fiéis que promovem a devoção aos Sagrados Corações Unidos de Jesus e Maria, através da Consagração Total a Jesus por Maria, através da conversão pessoal, da oração do coração e das boas obras, tendo os mandamentos da Lei de DEUS como o centro de nossa vida.

O único objetivo de toda alma consagrada a este Apostolado deve ser “estender o reinado eucarístico do Sagrado Coração de Jesus Cristo, Rei do Universo, através do triunfo do Coração Doloroso e Imaculado de Maria”, buscando assim a salvação de toda a humanidade, agravés da consagração aos Corações Unidos de Jesus, José e Maria,

Uma Graça do Céu para estes Últimos Tempos!

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

Os Cenáculos são um elemento consubstancial ao Apostolado. É o mais essencial que nos pede o Céu: abrir cenáculos de oração e participar neles.

Com eles entramos no Coração da Mãe para sermos purificados e limpos com uma compilação (feita diretamente pela Virgem Maria e pelo Espírito Santo) de todas as verdadeiras orações e devoções que o Céu vem revelando nos últimos séculos.

«Em cada Cenáculo, mesmo que seja apenas uma pessoa no mundo que reza, cada vez que fazem o Cenáculo de oração, o Espírito Santo os prepara para o Meu Triunfo.

E neste Cenáculo de Oração que te ditei, reúno todas as orações que já vos dei através de distintos instrumentos já lhes ditei. »

 

[Extraído do Manual de Boas Vindas do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – Revisão 05 – de 30/04/2021]

«Nossa Senhora algumas vezes me permitiu ver, que quando nos reunimos para orar, o lugar (por exemplo, na sala de oração em casa) se torna o Coração de Maria, e vejo como minha família, como os irmãos, como eu, ao entrar nesse lugar, onde entramos no Coração de Maria. E Nossa Senhora me diz: É assim. Onde cada um dos meus filhos faz o cenáculo da oração, todos eles entram no Meu Coração. E no Meu Coração, são purificados, são limpos, são renovados e Eu os ensino a amar mais a Jesus.»

«Podes faze-lo todos os dias. Mas eu necessito que Meus filhos se reúnam para orar. A oração em comunidade é importante, porque acelera o Triunfo do Meu Coração. Pelo menos reúnam-se para orar uma vez por semana.”

O Cenáculo não só é uma fonte de bênção para as famílias ou amigos que o rezam, mas convertem os espaços em Refúgios Marianos que protegerão as casas, as cidades, e inclusive os países onde se encontram.

Quando oramos o Cenáculo, a Mãe explicou que criamos um Selo, ou seja, uma couraça espiritual ao nosso redor e no lugar onde oramos. Aí devemos colocar nossos sacramentais (o Ícone, a Cruz Gloriosa, os Estandartes …).

Assim todas as Graças, Bênçãos e Selos Divinos os cobrirão e farão da casa um Refúgio Mariano. Nada destruirá um Refúgio Mariano durante os tempos mais sombrios da Tribulação.

Animemo-nos a abrir Cenáculos de Oração em nossas casas, em nossas paróquias, em nossas cidades!

Todas as Bênçãos, Graças e Proteção do Céu, se tornarão realidade nos espaços onde se crê.

 

Os Chamados de Amor e Conversão revelam perfeitamente as características, virtudes e estilo de vida que cada Apóstolo dos Últimos Tempos deve se esforçar para alcançar:

  • O Apóstolo é alegre, serviçal, transparente, obediente, humilde e não prepotente, com um coração simples e não orgulhoso, um coração que cala e não é escandaloso. Alma que está consciente de necessita de Jesus, e que sem Ele não seria nada.
  • Será uma alma orante, uma alma reparadora, alma vítima, alma radical, profunda na oração, sem tirar o Santo Rosário de suas mãos.
  • Com os joelhos prostrados em adoração eterna à Divina Eucaristia.
  • Vive com amor a Sagrada Eucaristia; luta pelo triunfo de Jesus Cristo e da sua Santa Igreja.

Ele leva uma vida de consagração, oração, sacrifício e penitência.

  • Sofre e ama junto a Maria, sua Santa Mãe, aos pés da Cruz, sem tirar os olhos da Cruz vendo-a, adorando-a, meditando nela e abraçando-a. Pois da Cruz vem a salvação. A Cruz significa renúncia, morrer para si mesmo, para que Jesus Cristo viva.
  • É um apóstolo da misericórdia, com obras de caridade, com oração, com o jejum (quartas e sextas-feiras) e o sacrifício. Mas sobretudo, no amor.
  • Viverá em um deserto espiritual, que é como um retirar-se do mundo, dos prazeres, do conforto, do pecado, e viver na abstinência, no silêncio, na penitência, na meditação e na oração do Coração Imaculado da Mãe e Rainha Celestial.
  • Leva em seu coração o zelo pelo anúncio do Evangelho e pela salvação de todas as almas.
  • Coração enamorado dos Dois Corações de Jesus e Maria e chamado para o serviço de Jesus e Maria.
  • Estará aceso no Fogo do Amor Divino, Amor de Deus.

 

“Depois disso, o Senhor designou outros setenta e dois e os enviou adiante dele, dois a dois, a todas as cidades e lugares aonde pensava ir. E dizia-lhes: «A colheita é grande e poucos os trabalhadores. Orai, portanto, pois, ao dono da colheita para que envie trabalhadores para sua colheita. Ponde-os a caminho!” (Lc 10)

Jesus nos envia hoje também como Apóstolos dos Sagrados Corações

Unidos de Jesus e de Maria. Mas embora a mensagem seja a mesma: “E disse-lhes: “Ide ao mundo inteiro e proclamai o Evangelho a toda a criação” (Mc 16:15), a realidade atual é muito diferente daquela de 2.000 anos atrás.

São Paulo, o apóstolo infatigável dos gentios, utilizou todos os meios à sua disposição para evangelizar. Viajou incansavelmente por terra e mar. Escreveu cartas a diferentes comunidades. Pregou em sinagogas, templos, barcos, praças e cárceres. Teve discípulos que fiam com ele ou o ajudavam nos lugares onde ele não podia chegar.

Mas, e se São Paulo tivesse vivido hoje? É bem possível que além de tudo isso, ele teria utilizado todos os meios possíveis que nossa civilização oferece, inclusive as redes sociais e a internet.

É possível imaginar que São Paulo, em seu zelo por fazer chegar o Evangelho a todos os confins do mundo, teria sua próprio página web onde publicaria suas homilias, suas cartas, os Evangelhos, a Bíblia. Mas também teria uma conta no Facebook para se conectar de forma mais próxima com as comunidades que conhecia.

Teria seguidores entre os Hebreus, os Romanos, os Gálatas, os Tessalonicenses. Poderia compartilhar informações com eles e responder suas dúvidas, controvérsias, dificuldades, litígios internos. Também teria uma conta no YouTube, no Twitter e nos grupos WhatsApp ou outros.

E nós? Que tipo de apóstolo somos? Sem tirar os méritos ou a importância do apostolado de toda a vida que é necessário e imprescindível. Descobrimos o leque de possibilidades que o mundo oferece hoje para difundir o Evangelho e os Chamados de Amor e de Conversão?

Cada vez que um usuário interage com um site, um grupo de WhatsApp ou rede social, não só está compartilhando informações com outras pessoas, mas também gerando um efeito cascata, para que essa página web, página do Facebook, conta do Twitter, mensagens no WhatsApp, Twitter, Signal, Telegram, vídeo do YouTube ou outros, suba na classificação e seja mais popular. Ou seja, que apareça nas primeiras páginas nos motores de busca, alcance mais pessoas, seja considerado pelas redes sociais ou motores de busca da Internet, como mais útil, mais importante.

Isto é, você está fazendo Apostolado Digital sem saber. Seria como se fizesse folhetos do Chamado de Amor e de Conversão e os distribuísse na rua. É o mesmo como se fosse uma pessoa ativa no Facebook, Twitter, WhatsApp ou YouTube.

 

(Extraído do Tratado da Verdadeira Devoção aos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria, deste Apostolado)

O Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria está conformado por Sacerdotes, Religiosas e Religiosos e fiéis, que promovem a devoção aos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria, através da Consagração Total a Jesus por Maria, mediante a conversão pessoal, a oração do coração e das boas obras, tendo os mandamentos da Lei de DEUS como o centro de nossa vida.

O Apostolado está dirigido para toda a humanidade, para todos os católicos do mundo e para toda pessoa que deseje participar na transformação da sociedade na construção da paz e do amor, sinais do Reino de DEUS.

Este Apostolado e as revelações que o escolhido por Jesus e Maria, Manoel de Jesus, recebe, são os Últimos Chamados de Amor e Conversão para a humanidade, e um Chamado para unir,

Nossa Santa Mãe pede a unidade de todos seus filhos, conformando o Exército Mariano do final dos tempos, que estende o Evangelho de seu Filho Jesus por meio do testemunho de vida e faz triunfar os Direitos de Deus e de sua Igreja.

Os Chamados de Amor e Conversão de Jesus e de Maria nos revelam a urgência da unidade, da paz, da conversão, da santidade, e sobretudo, como como chegar a sermos filhos verdadeiros de Maria, sendo assim os apóstolos dos Últimos Tempos e do Coração Doloroso e Imaculado de Maria. Apóstolos que propagam, anunciam e ensinam a Mensagem da Boa Nova de Jesus Cristo.

O apóstolo de Jesus e de Maria é quem se deixa consumir pelo zelo de salvação de seus irmãos, e luta pelo amor a Deus e pela salvação do próximo.

O Apostolado dos Sagrados Corações Unidos foi instaurado por Nossa Santíssima Mãe, querendo suscitar em seus filhos e na Igreja, um verdadeiro espirito cristão, apostólico e evangelizador que pregue a tempo e destempo, como nos exorta o Apóstolo Paulo (2 Tiom 4, 2), tendo como fonte de vida e ação seu Filho Jesus Cristo, realmente presente na Sagrada Eucaristia.

O único objetivo de toda alma consagrada a este Apostolado deve ser, “estender o Reinado Eucarístico do Sagrado Coração de Jesus Cristo Rei do Universo, através do Triunfo do Doloroso e Imaculado Coração de Maria”, buscando assim, a salvação de toda a humanidade, através da Consagração aos Corações Unidos de Jesus, Maria e São José, iniciando desde a família, para proteger também as futuras vocações, que o Senhor suscite dentro das mesmas.

Nestes Chamados que Manoel de Jesus recebe de Jesus e de Maria, somos convidados a segui-lo, em um caminho de santidade e de entrega, e nos chamam à obediência à Igreja, e formar assim, uma grande fogueira junto aos nossos pastores, com o fogo do Divino Espirito Santo, como os apóstolos e a Santíssima Mãe em Pentecostes.

Também a Santíssima Mãe insiste muito na paz. Porque a paz não é falta de violência, senão que é estar cheio de amor para DEUS e o próximo, e reconhecer Jesus em cada irmão.

A Santíssima Mãe quer suscitar filhos valentes e decididos. Maria é a Mãe que evangeliza sempre, e quer que nós sejamos discípulos de seu Coração; alunos da escola de Maria, como o repetia constantemtne o Santo padre João Paulo II: ser todo de Maria; viver com Maria, em Maria e para Maria. Sabendo que de sua mão, de mulher simples de Nazaré, Mãe e Virgem, Esposa e Escrava, chegaremos seguramente a Jesus, como Maria o disse em um de seus Chamados:

28 de novembro de 2013 – Chamado de Amor e Conversão do Coração Doloroso e Imaculado de Maria

“A Simplicidade de Maria”

Não procurem experiência, sentimentos e manifestações esplêndidas. Procurem a Mulher simples que vivia em Nazaré, servindo e amando. Ela sim, que os levará ao Coração Divino de seu Filho Jesus.

Por isso, consagrando-nos a Maria como seus filhos e apóstolos, seremos realmente seus servos, que amamos e obedecemos. Sejamos como Maria: simples, puros e limpos. Que nossa única preocupação seja dar a conhecer a Cristo, seu Filho, evangelizando. Por isso chamamos o mundo à consagração ao Coração Doloroso e Imaculado de Maria, para formar assim seu grande Exército Mariano.

A Santa Mãe chama seus filhos, comprometidos com a Igreja ou não, para esta grande luta, e formar parte de seu Grande Exército Vitorioso, de seu Coração Doloroso e Imaculado.

Lutemos juntos, todos os filhos da Santa Igreja, para que as intenções do Sagrado Coração de Jesus e do Doloroso e Imaculado Coração de Maria, sejam realizadas no mundo e na Igreja.

Nossa Senhora vem uma última vez, fazendo um Chamado de Amor para a Conversão e a unidade de seus filhos e de seus escolhidos, para formar um novo Cenáculo, que clame e receba o advento de um Segundo Pentecostes, para toda a Igreja e toda a humanidade.

PDF da Matéria – A4

Português

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: