Artigo

Novena Intercontinental Guadalupana – 500 anos do Acontecimento Guadalupano (1531-2031) e Dois Mil Anos da Redenção

logo-novena-guadalupe-grande-color-transparente

Novena Intercontinental Guadalupana

“Santa Maria de Guadalupe, Mãe do Redentor”

500 anos do Acontecimento Guadalupano (1531-2031) 

 

Emblema-Apostolado-pt-s-fun-412x512-p-site

 

Este Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria, se une a esse novenário de 9 anos, e participaremos dos eventos organizados com este propósito. 

 

Festividade-São-João-Diego-pt-09.12.2020
 

Fonte: Conferencia Episcopal Mexicana (CEM) –  Novena de Guadalupe

 

Tradução do espanhol por este site

 

A Novena Intercontinental Guadalupana é uma iniciativa da Conferência Episcopal Mexicana (CEM).

Está entre as atribuições do Conselho de Presidência do CEM, delegada à Secretaria Técnica do Projeto Pastoral Global 2031 2033, em vinculação com a Arquidiocese Primaz do México e suas instâncias eclesiais, a Insigne e Nacional Basílica do México, bem como com outras instituições eclesiásticas e extra-eclesiais.

Seu objetivo consiste em promover o reencontro com Deus, através de Santa María de Guadalupe, buscando novos caminhos na reconstrução do tecido social e eclesial de nossos povos e comunidades, para celebrar os 500 anos do Acontecimento Guadalupano.

Faz parte do Projeto Pastoral Global 2031 2033 dos bispos mexicanos com o qual se propõem a realizar um itinerário espiritual-pastoral (cristológico-eclesial-Guadalupano) onde os diferentes roteiros, propostas, programação, novenas, planejamento e outras iniciativas de comissões, dimensões e instâncias eclesiais ou extra-eclesiais para celebrar os 500 anos do Acontecimento Guadalupano e os 2000 anos da Redenção.

“Acreditamos que a Igreja no México precisa sentar-se aos pés da Virgem Mãe para alentar a esperança de ser um só povo. A restauração de nossa responsabilidade precisa de seu coração materno. Ela pode nos ajudar a nos sentir como um povo e nos identificar com o povo. Ela nos convida a contemplar, acreditar, viver e anunciar o mistério da Redenção realizada por Jesus” (PGP 12)

 

“Por isso, com audácia profética e de forma crítica, com o presente Projeto Pastoral Global, a partir de agora PGP, os Bispos do México querem oferecer uma luz que ajude a responder à pergunta fundamental que nos interpela: o que significa significa celebrar na fé para os mexicanos? E o que significa celebrar agora, depois de dois milênios da Redenção de Cristo e meio milênio do Evento de Guadalupano, ser uma comunidade de discípulos, testemunhas da plenitude da vida e da consolação que o Filho de Santa Maria de Guadalupe oferece a todos??” (PGP 14)

Programa de atividades para a Novena de Guadalupe e celebração dos 500 anos do Acontecimento Guadalupano.
 
 

7 de dezembro de 2022 – 12h30
Conferência de imprensa de lançamento

9 de dezembro de 2022

Fim do Ano Jubilar da Canonização de São Juan Diego
(Pograma particular)

Sábado 10 de dezembro – 9h00 às 13h00:

I Seminário Internacional “Geração Guadalupe 2031”, organizado pela Academia de Líderes Católicos

http://www.liderescatolicos.net/guadalupe2031

13:00.:

Lançamento do Hino Oficial “Não estou aqui, que sou tua mãe?”, de Luis Alfredo Díaz.

19:00.:
Apresentação do avanço do Documentário sobre a Nona Guadalupana Intercontinental.

Domingo 11 de dezembro – 19:00.:

Oração do Santo Rosário Intercontinental.

 
Segunda-feira, 12 de dezembro – 12h00:
Missa solene e proclamação do início da Novena Intercontinental de Guadalupana.

 

No dia 12 de dezembro, o Pontífice preside a missa na Basílica de São Pedro em oração pela América Latina e pelos devotos da Virgem Guadalupe em todo o mundo.
 

A Pontifícia Comissão para a América Latina compartilha sua alegria pelo anúncio da celebração eucarística que o Santo Padre presidirá, por ocasião da festa da Bem-Aventurada Virgem de Guadalupe, Imperatriz da América e Padroeira das Filipinas, na segunda-feira, dezembro 12, 18h, na Basílica de São Pedro.

Há nove anos do V centenário do Acontecimento Guadalupano, os católicos de todo o continente americano são chamados a redescobrir o significado profundo da presença de Jesus Cristo por meio de Maria em nossas terras. Ela nos deixou um exemplo extraordinário de evangelização inculturada, que nos chama a valorizar as advocações marianas que nos interpelam em cada uma das nossas distintas nações.

Assim mesmo, Santa María de Guadalupe, em seu diálogo com São Juan Diego, nos convida a apreciar com nova força a beleza e a dignidade da presença profética da mulher, a necessária protagonismo laical, a opção pelos pobres, a sinodalidade como dimensão dinâmica de comunhão, e a orientação radical de toda a vida para Jesus Cristo, a fim de fazer das nossas famílias, dos nossos países e de todo o continente, uma “casinha sagrada” na qual se pode anunciar livremente a fé no “verdadeiro Deus pelo qual se vidas”.

A Santa Missa será precedida pela recitação do Santo Rosário, a partir das 17h30. A celebração será acompanhada por cantos nos quais o Coro da Capela Sistina se alternará com o Coro das Escolas Pío latino-americanas e mexicanas.

Estão especialmente convidados todos os residentes dos países do continente americano que residem na Itália, bem como aqueles que nesse dia se encontram como turistas ou peregrinos. 

 

Hino Oficial da Novena

Fonte do Vídeo: Novena Intercontinental Guadalupana

 

Documentario sobre a Novena Gadalupana

Fonte do Vídeo: Novena Intercontinental Guadalupana

 

Apresentação da Novena Intercontinental – Primeira Parte

Fonte do Vídeo: Novena Intercontinental Guadalupana

 

Apresentação da Novena Intercontinental – Segunda Parte

Fonte do Vídeo: Novena Intercontinental Guadalupana

Fonte do Vídeo: Vatican News

Santa Missa na Solenidade de Nossa Senhora de Guadalupe, na Basílica de São Pedro, em Roma, em 12 de dezembro de 2022, presidida pelo Santo Padre o Papa Francisco.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: