Chamados de Amor e de Conversão

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus: “Meu Apostolado é um caminho muito reto de reparação. Pois esta obra dos Sagrados Corações Unidos, é a espiritualidade com a qual a Divina Providência quer preservar a fé de um resto santo nestes Últimos Tempos.”

Chamado de Amor e de Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

26 de Fevereiro de 2021

Meu Apostolado é um caminho muito reto de reparação.

Pois esta obra dos Sagrados Corações Unidos, é a espiritualidade com a qual a Divina Providência quer preservar a fé de um resto santo nestes Últimos Tempos.

Querido filho Manoel do Meu Sagrado Coração: e a ti, nossos Dois Corações, te escolheram para que sejas parte da Aliança de Nossos Corações, e anuncies ao mundo, o que escutas de Nossos Dois Corações.

Minha pequena vitima!

A hóstia mais pequena em todo o mundo!

Por isto te chamei. Por tua pequenez. Porque em tua pequenez, é que Eu posso manifestar Minha Glória.

És o mais pequeno de todos Meus profetas. E através do qual, quero ensinar o Amor do Meu Sagrado Coração ao mundo. E por ser teu coração o mais pequeno, preparado, educado e formado por nossa Mamãe Celestial, te chamei, te escolhi, e te encomendei a maior de Minhas obras.

Com todo o coração, meditem o Capítulo 42 do Santo Profeta Isaías.

Em Nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

**************

Capítulo 42 do Santo Profeta Isaías – Bíblia de Jerusalém

42 Primeiro canto do Servo  

1Eis o meu servo que eu sustenho, o meu eleito, em quem tenho prazer. Pus sobre ele o meu espírito, ele trará o julgamento às nações. 2Ele não clamará, não levantará a voz, não fará ouvir a sua voz nas ruas; 3não quebrará a cana rachada, não apagará a mecha bruxuleante, com fidelidade trará o julgamento. 4Não vacilará nem desacorçoará até que estabeleça o julgamento na terra; na sua lei as ilhas põem a sua esperança. Assim diz Deus, Iahweh, que criou os céus e os estendeu, e fez a imensidão da terra e tudo o que dela brota, que deu o alento aos que a povoam e o sopro da vida aos que se movem sobre ela. 6 “Eu, Iahweh, te chamei para o serviço da justiça, tomei-te pela mão e te modelei, eu te pus como aliança do povo, como luz das nações, 7a fim de abrir os olhos dos cegos, a fim de soltar do cárcere os presos, e da prisão os que habitam nas trevas.” 8Eu sou Iahweh; este é o meu nome! Não cederei a outrem a minha glória, nem a minha honra aos ídolos. 9As primeiras coisas já se realizaram, agora vos anuncio outras, novas; antes que elas surjam, eu vo-las anuncio. 

Canto de vitória 

10Cantai a Iahweh num cântico novo, cantem o seu louvor desde as extremidades os que descem ao mar e tudo o que o povoa, as ilhas e os seus habitantes. 11Levantem a sua voz o deserto e as suas cidades, os acampamentos habitados por Cedar; exultem os habitantes da Rocha, do alto dos montes dêem gritos de alegria. 12Rendam glória a Iahweh, proclamem o seu louvor nas ilhas. 13Iahweh sai como um herói, como se fosse um guerreiro o seu zelo se inflama, ele ergue o grito de guerra, sim, ele grita, atira-se vitoriosamente sobre os seus inimigos. 14″Há muito que me calei, guardei silêncio e me contive. Como uma mulher que está de parto eu gemia, suspirava, respirando ofegante. 15Reduzirei a ruínas montes e outeiros, farei definhar toda 16a sua verdura; mudarei as correntes de água em terra seca e secarei os pântanos. Conduzirei os cegos por um caminho que não conhecem, fá-los-ei andar por veredas que não conhecem: na sua frente mudarei as trevas em luz, e os campos escabrosos em terreno plano. Estas coisas farei eu, nada omitirei. 17Cobertos de vergonha, recuarão aqueles que confiam em ídolos, que dizem às suas imagens fundidas: Vós sois os nossos deuses.”  

A cegueira de Israel 

18Ouvi, ó surdos! Olhai e vede, ó cegos! 19Mas quem é cego senão o meu servo? Quem é surdo como o mensageiro que envio?(Quem é cego como aquele do qual fiz meu amigo e surdo como o servo de Iahweh?) 20Viste muitas coisas, mas não as retiveste. Abriste os ouvidos, mas não ouviste. 21Aprouve a Iahweh, por causa da sua justiça, tornar a lei grande e majestosa, 22Entretanto, este povo foi despojado e saqueado; todos eles estão presos em cavernas, estão retidos em calabouços. Foram submetidos ao saque, e não há quem os liberte; foram levados como despojo, e não há quem reclame a sua devolução. 23Quem dentre vós dará ouvidos a isto? Quem prestará atenção e dará ouvidos daqui por diante? 24Quem entregou Jacó ao saque, e Israel aos despojadores? Não foi Iahweh, aquele contra quem pecamos, aquele em cujos caminhos não quiseram andar, nem deram ouvidos à sua Lei? 25Assim derramou ele sobre Israel a sua ira e o furor da guerra; ela ardeu por todo lado, mas ele não compreendeu; ela chegou a queimá-lo, mas ele não se impressionou.  

***************

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: