Orações do Apostolado

Via Crucis do Apostolado dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria – ditada a Manuel de Jesús

Via-Crucis-portada-pt-04.05.2021

 VIA CRUCIS

DOS

SAGRADOS CORAÇÕES UNIDOS DE JESUS E DE MARIA

 DITADA MANUEL DE JESÚS

[Revisão – 04.05.2021]

 

23 março 2015

Chamado de Amor e Conversão do Coração Doloroso e Imaculado de Maria

Nasçam da Água e do Espírito

Convido-os à oração, ao jejum e à conversão.

Abram de par em par seus corações, para que Meu Filho Jesus possa reinar em suas vidas.

É necessário que todos nasçam da Água e do Espirito Santo para que possam crer em Minhas Mensagens e em Minha Presença de Mãe neste lugar, junto a vocês, em oração, sacrifício e penitência. Eu desejo que todos e cada um de vocês se convertam de verdade.

Queridos filhos: não é possível que o mundo feche seu coração a Deus.

O mundo, por sua soberba, terá que sofrer para ser purificado. Há muitas almas que não se deixam guiar pelo Espirito Santo. Por isso perecem.

Orem. Orem por elas. Orem por todos aqueles que não conhecem o Amor de Meu Filho, porque eles, em seu mundo de escuridão, sofrem muito. Se abrirem seus corações com fé e amor a estas Mensagens, Meu Filho Jesus e Eu, sua Mãe, reinaremos em sua vida.

Mas isso, depende do “sim” livre e voluntário de cada alma.

Hoje acodem a Mim com seus problemas, suas petições, suas múltiplas orações. Mas em muitos destes corações não há amor para Deus. Se não amam a Deus, Meu Filho não pode fazer nada por vocês.

Devem converter-se, primeiramente, e crer no Evangelho, para que possam verdadeiramente viver (Marcos 1,15). Eu sigo insistindo para que ouçam e obedeçam.

Queridos filhos, como Mãe, com minhas Lágrimas, e Lágrimas de Sangue, pela dor causada em meu Filho; por suas atitudes ateístas, antes de iniciar a Semana Santa, convido-os a confessar, a rezar a Santa Via Sacra e jejuar, para que possam mudar, e a Vontade do meu Filho reine em vocês e em suas vidas.

Amo-os e os abençoo: Em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

**********

Ave Maria Puríssima, sem pecado original concebida!

Pelo Sinal da Santa Cruz, livra-nos Deus Nosso Senhor, de nossos inimigos,

Em Nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo. Amém.

P: Cristo se fez obediente até a morte.

R: E recebeu morte de Cruz por salvar-nos.

Ato de Contrição

Senhor meu, Jesus Cristo, Deus e Homem Verdadeiro, Criador, Pai e Redentor meu, por serdes Vós quem Sois, e porque vos amo sobre todas as coisas, arrependo-me de todo o coração, de todo o mal que fiz, e de todo o bem que deixei de fazer, porque pecando ofendi a Vós, que sois o Sumo Bem, e digno de ser amado sobre todas as coisas. Ofereço minha vida, obras e trabalhos em satisfação de meus pecados. Proponho firmemente, com a ajuda de Vossa graça, fazer penitência, não voltar a pecar e fugir das ocasiões de pecado. Senhor, pelos méritos de Vossa Paixão e Morte, com os quais Vos expiastes por meus pecados, oferecendo uma dor tão grande e intensa, que Vos fez suar Sangue, apiedai-vos de mi. Minha Mãe do Céu, alcançai-me de Jesus este suspirado perdão. Amém.

 

Oração de Invocação ao Espirito Santo

(Ditada em 28 de outubro de 2014)

“Vinde meu Deus Espirito Santo, através da poderosa intercessão do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, Vossa Amadíssima Esposa.”

“Vinde meu Deus Espirito Santo, através da poderosa intercessão do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, Vossa Amadíssima Esposa.”

“Vinde meu Deus Espirito Santo, através da poderosa intercessão do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, Vossa Amadíssima Esposa.”

Oração

Vinde Espirito Santo, enchei os corações de vossos fiéis e acendei neles, o Fogo de Vosso Amor.

V/. Enviai vosso Espirito e tudo será criado. R/. E renovareis a face da terra.

Oração

Ó Deus, que iluminastes os corações de vossos filhos com a Luz do Espirito Santo, fazei-nos dóceis às suas Inspirações, para gostar sempre do bem, e gozar de seu consolo, por Jesus Cristo Nosso Senhor! Amém.

 

Oração ao Divino Espirito Santo

(Ditada em 15 de agosto de 2014)

“Divino Esposo de Maria Santíssima, meu Deus e Senhor Espirito Santo, acendei em cada alma o Fogo de um Novo Pentecostes, para que nos consagreis como apóstolos do Doloroso e Imaculado Coração de Maria, e apóstolos dos Últimos Tempos. Protegei com Vossa Sombra a Igreja; salvai as almas do mundo, e realizai o Reino Inflamado de Amor dos Sagrados Corações Unidos de Jesus e de Maria. Amém.”

Credo dos Apóstolos

Creio em Deus, Pai Todo-poderoso, Criador do Céu e da terra. Creio em Jesus Cristo Seu único Filho, Nosso Senhor, que foi Concebido por Obra e Graça do  Espirito Santo; nasceu de Santa Maria Virgem, padeceu sob o poder de Pôncio Pilatos; foi crucificado, morto e sepultado; desceu aos infernos; ressuscitou ao terceiro dia; subiu aos Céus, e está sentado a Direita de Deus, Pai Todo-poderoso, de onde há de vir julgar os vivos e aos mortos. Creio no Espirito Santo, na Santa Igreja Católica, na Comunhão dos Santos, no perdão dos pecados, na ressurreição da carne e na Vida Eterna. Amém.

 

Oração

Doloroso e Imaculado Coração de Maria, contemplamos Convosco Mamãe Dolorosa ao Sagrado Coração Eucarístico de Vosso Filho Sofrente, no caminho ao Calvário.

Reconhecemos que somos pecadores, e pedimos ao Pai Terno e Misericordioso, a graça do perdão, para poder acompanhar, como apóstolos reparadores, aos Sagrados Corações de Jesus e de Maria, unidos por um mesmo Amor e Dor, na Via Dolorosa destes Últimos Tempos, e por totalmente nossa confiança, no amor Misericordioso do Coração de Jesus, que por nós deu a Vida.

Sigamos com Maria, Mater Dolorosa, ao Seu Filho, em cada estação de sua Paixão Eucarística. Amém.

PRIMEIRA ESTAÇÃO

A Agonia de Jesus no Horto das Oliveiras

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 14, 32-36

Chegaram a uma propriedade, cujo nome é Getsêmani, e diz a seus discípulos: “Sentem-se aqui enquanto eu faço oração.” Toma consigo Pedro, Santiago e João e começou a sentir pavor e angústia. E lhes diz: “Minha alma está triste a ponto de morrer, fiquem aqui e velem.” E adiantando-se um pouco, caia em terra e suplicava que, se possível, passasse dele aquela hora. E dizia: “Abba, Pai! Tudo é possível para Ti. Aparta de Mim este cálice. Mas não seja o que Eu quero, senão o que Tu queres.”

Chamado de amor e conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

A Agonia de Jesus no Horto de Getsêmani

Minha pequena vítima, depois da Ceia Eucarística com a qual era perpetuamente eternamente instituído, o Sacramento da divina Eucaristia, havendo sido abençoado por Minha Mamãe Celestial, dirigi-Me com os onze apóstolos ao Vale do Cedron, muito próximo do Monte das Oliveiras.

Chegando ao pé do monte, tomei Comigo a Pedro, Santiago e João. Os mesmos Três Apóstolos que viram Minha Glória. Agora vem Minha Divina Agonia Redentora.

Cheguei com eles ao Horto de Getsêmani, que significa lagar de azeite, pois ali se espremia a oliveira e dava o fruto suave do óleo, pois neste Horto, como oliveira, fui espremido Meu Sagrado Coração, brotando a Divina Unção de Meu Precioso Sangue. De modo que, nesta Dor, todo o meu Santíssimo Corpo chegou a derramar Meu Sangue Precioso também no solo e na rocha, sobre a qual me apoiava para sustentar-Me em oração.

A Dor do meu Coração de Cordeiro era infinita. Todos os pecados, desde o primeiro pecado original até o último pecado do último homem, foram sofridos por meu Sagrado Coração Agonizante.

Amado filho, o Grande Aviso que virá à humanidade foi vivido primeiro no Horto do Getsêmani por Mim, não porque eu o merecesse, porque sou Deus, mas para redimir e sofrer por vocês e pelos seus pecados, sendo Eu mesmo o Primeiro Reparador de o Pai Terno e Misericordioso.

O Arcanjo São Miguel apareceu para confortar-Me, e dar-Me uma confiança no Amor do Pai, infinita. Pois Minha alma estava experimentando todas as noites escuras que viveria minha Igreja, e que sofreriam todas as almas.

Nesta solidão infinita oferecia-Me constantemente ao Pai Terno e Misericordioso, para que se realizasse a sua Divina Vontade, e a Missão Redentora tivesse o seu perfeito cumprimento.

Minha Santa Mamãe, no Cenáculo, subiu à sala mais alta daquele Aposento, dirigindo o seu olhar para o Monte das Oliveiras.

Acompanhando-Me, Minha Mãe também agonizou Comigo.

Minha vítima, neste silêncio de reparação profunda do Getsêmani, consola nossos Dois Corações Agonizantes.

Oração

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, dirijo o meu coração para o Horto do Getsêmani, consolo e acompanho o Vosso Sagrado Coração Eucarístico cheio de angústia.

Contemplo-vos, Meu Redentor, prostrado na terra, com o rosto banhado em Sangue, e Vosso Coração espremido como uma oliveira, dando o suave fruto do perdão.

Jesus, amo-vos por todos os homens. Peço-vos perdão por todos os pecados da humanidade, e quero consolar e reparar Vosso Sagrado Coração Eucarístico e o Coração Doloroso e Imaculado de Maria, minha Doce Mãe Dolorosa, na Agonia do Horto.

Ofereço ao Pai Vossas Lágrimas, Vossas Dores, Vossos Sagrados Corações Agonizantes pela vinda do Novo Reino Eucarístico. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

SEGUNDA ESTAÇÃO

Jesus é traído por Judas e preso

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 14, 43. 45-46

De repente aparece Judas, um dos Doze, acompanhado de um grupo, com espadas e porretes, de parte dos sumos sacerdotes, dos escribas e dos anciãos.

Assim que chegou, aproximou-se dele e disse: “Rabi”, e deu-lhe um beijo. Eles lançaram as mãos sobre ele e O prenderam.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus Traído por Judas

Minha pequena vítima, consola Meu Sagrado Coração Eucarístico no caminho da Cruz; acompanha-Me neste caminho pela “Via Crucis” dando-me um amor reparador ao Meu Sagrado Coração Eucarístico.

Enquanto eu orava no Horto, Meu Sagrado Coração começou a sentir próxima a Hora da Prisão, e meu Sagrado Coração se sentia o Divino Prisioneiro das almas.

à meia-noite, exatamente, chegava Judas, liderando uma turba de guardas do Templo, servos das casas de Anás e Caifás. Judas ao chegar na Minha frente, beijou minha face direita e sussurrou ao Meu ouvido dizendo:

“Salve Rabi”, o disse tão sarcasticamente, que ouvi o demônio em sua voz me saudando-Me. Pois esta saudação foi o sinal concreto com que Judas convencionou com a turba, para Me indicar.

Os soldados Me pegaram; amarraram-Me com correntes. Com suas lanças e tochas, Me bateram me jogaram ao solo. Amarraram Meu pescoço. Levantaram-Me pelos Cabelos, puxando-os cruelmente, e me levaram para fora do Horto, para a Torrente de Cedron, para levar-Me a Jerusalém, para a casa de Anás (São João 18:13).

Oração

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, Mestre de Vida, amo-vos, adoro-vos e reparo, dou-Vos consolo pela prepotência, a violência, a infidelidade, a divisão. Todos estes, frutos de nossos pecados, que traíram uma e outra vez, constantemente, Vosso Sagrado Coração Eucarístico, tão fiel.

Jesus, pela dor e traição de Judas, na Divina Vontade, ofereço-vos meu coração e meu próprio arrependimento, por meio do Doloroso e Imaculado de Maria, suplicando, venha o Reino do Pai Terno e Misericordioso, que unirá a Igreja e realizará a civilização do Amor Trinitário no mundo. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

TERCEIRA ESTAÇÃO

Jesus é condenado pelo Sinédrio

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 14, 55. 60-62. 64

Os sumos sacerdotes e todo o Sinédrio procuravam um testemunho contra Jesus para matá-lo, mas não encontravam. Então levantou-se o Sumo Sacerdote e, pondo-se no meio, perguntou a Jesus: “Tu es o Cristo, o Filho do Deus bendito?” E Jesus disse: “Sim, eu sou.”Todos julgaram que era réu de morte.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus julgado por Anás e Caifás

Minha pequena vítima, acompanha-Me neste caminho. Meu caminho da Cruz. Consola-Me e repara Meu Agonizante Coração.

Levaram-Me amarrado, tirando-me como um prisioneiro do Horto do Getsêmani.

Passando pela Torrente de Cedron, Me empurraram, caindo meu Sacratíssimo Corpo na lama, formada pela água da torrente.

Entrei acorrentado em Jerusalém. Imediatamente levaram-Me para a Casa de Anás, que era o sumo sacerdote do Templo e sogro de Caifás. Na casa de Anás, estava em frente à entrada do interior de sua casa, enquanto a turba Me apresentava a Anás, como o agitador e falso Messias.

Anás deu ordem de julgamento por parte do Sinédrio. Ordenou que Me levassem à casa de Caifás, já que as duas casas estavam muito próximas do Templo. Na casa de Caifás, conduziram-Me à sala do Sinédrio, porque Caifás era o sumo sacerdote de Israel, e ali se reuniam os sacerdotes, mestres, levitas e escrivães.

Estava amarrado e todo Meu Sacratíssimo Corpo estava cheio de golpes e cuspidas. Minhas feridas, banhadas pela água putrefata da torrente.

Olhavam-Me com ódio e desprezo. Caifás sentado na cadeira principal e Anás sentado à sua direita liderou o julgamento. Interrogaram-Me. Eu só respondi:

“Sou o Filho do Deus Vivente e Me verão vindo à Destra do Todo-Poderoso, em glória e majestade” (São Lucas 22, 70). Caifás rasgou sua túnica e me condenou, pela lei judaica, à morte, de acordo com os romanos, na cruz.

Terminado o julgamento, fui golpeado e jogado no chão. Puxavam-Me por Meus Cabelos e Barba. Colocaram seus pés em cima de Meu Sacratíssimo Corpo, pisando-Me. Tiraram-Me do Sinédrio para o pátio principal da casa .

Oração

Meu Divino Prisioneiro, eu Vos amo, Vos adoro, Vos abençoo, Vos conserto, Vos consolo em Vosso Sofrimento, durante o julgamento do Sinédrio.

Tomo vossas Dores, vossas Angústias, Vossas lágrimas, e as ofereço ao Pai Terno e Misericordioso, em reparação. Tomo a solenidade do momento, quando declarastes Vossa Divindade como Filho do Deus Vivente, para amar-vos a vos Mesmo, com vossa própria Majestade e Divindade.

Reparo e consolo Vosso Sagrado Coração Eucarístico, pelos homens que suplicam por Misericórdia em qualquer tipo de escravidão e prisão no mundo.

Jesus somente pronunciai: «Eu sou», para que a humanidade volte a Vós, e sejamos transformados no Reino Novo Eucarístico, pelo Doloroso e Imaculado Coração de Maria. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

QUARTA ESTAÇÃO

Jesus é negado por Pedro

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho de São Marcos 14, 72:

Imediatamente um galo cantou pela segunda vez. E Pedro lembrou-se do que Jesus havia lhe dito: “Antes que o galo cante duas vezes, Me haverás negado três.” E rompeu em lágrimas.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus é negado por Pedro

Querido filho do Meu Sagrado Coração: Terminado o julgamento no Sinédrio, levaram-Me aos calabouços da guarda do Templo. Quando saí do Sinédrio, atravessando o pátio central das casas de Anás e Caifás, observei Pedro, que estava sentado com outras pessoas ao redor do fogo no pátio. Perguntaram-lhe se era nazareno e Meu discípulo. Ele negou, e retirou-se do redor da fogueira, para um lado da porta do Sinédrio.

Igualmente aproximou-se uma servente da casa do Sumo Sacerdote Caifás e o interrogou, e novamente Pedro negou. Afastou-se da porta e prosseguiu para a saída daquele lugar. No mesmo caminhar que avançava Pedro, avançava Eu. Acorrentado e a empurrões, caí, já próximo também da saída. E tendo à Minha frente Pedro, pela terceira vez, lhe disseram que era Meu discípulo, e pela última vez, Pedro negou.

Dirigi Meu olhar para ele. Pedro Me viu e se retirou para debaixo do arco que cruzava a porta para sair daquele pátio. Nesse mesmo instante cantou o galo (São Mateus 26, 74) e seu coração foi estremecido grandemente.

Ao escutar aquele profetizado canto do galo, neste momento, Meu Sagrado Rosto voltou à consciência de Pedro, e ele viveu a iluminação de sua alma e chorou amargamente, não por sua negação, mas por todos seus pecados.

Ao terminar deste evento, fui levado arrastado, acorrentado e empurrado para o calabouço que seria Minha prisão nessa noite. Fui jogado naquele calabouço, acorrentado de Mãos e Pés. Eram três horas da madrugada, e estive nesta prisão até o amanhecer.

Oração

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, Prisioneiro Divino, amo-vos, adoro-vos, reparo, consolo e vos suplico, na Divina Vontade, dai-me um coração humilhado, que derrame lágrimas de arrependimento por mim e por todos.

Tomo em mim a dor e o pranto de Pedro. Ao mesmo tempo, tomo sua fé e seu arrependimento, sabendo-me, como ele, necessitado de Vosso Amor Misericordioso.

Faço meu o perdão que São Pedro pediu à Santa Mamãe Dolorosa, depois de haver-vos negado, quando a viu naquele lugar, acompanhando-vos.

Arrependo-me e choro com a mesma dor de São Pedro. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

QUINTA ESTAÇÃO

Jesus é julgado por Pilatos

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho de Marcos 15, 14-15

Mas eles gritaram com mais força: Crucifica-o! Pilatos então, querendo agradar ao povo, soltou-lhes Barrabás e entregou Jesus, depois de açoitá-lo, para que fosse crucificado.

Chamado de amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus:

Jesus julgado por Pilatos

Vítima do Meu Sagrado Coração Divino e Prisioneiro: a alvorada chega sobre Jerusalém. A primeira luz da manhã me encontrou dentro de um calabouço, amarrado com grilhões de mãos e pés.

Pela manhã, toda a guarda do Templo se preparou para retirar-Me daquele calabouço, e, novamente, como se de um Cordeiro para o Sacrifício se tratasse, ataram-Me o Pescoço com corda, e saindo da prisão da guarda do Templo, levaram-Me pelas ruas de Jerusalém, e conduziram-Me até o Pretório Romano, no palácio de Pôncio Pilatos.

Frente ao governador romano fui acusado pelo Sinédrio e seu seguidores. Pilatos ordenou-Me falar com ele em particular.

Não encontrando nenhuma causa justa que merecesse Minha morte, enviou-Me para Herodes. E entrando em presença deste rei, fui outra vez humilhado e ofendido. Cobriu-Me com um manto cor escarlate, e todos zombando de Mim.

Herodes chamou-Me de louco e enviou-Me para Pilatos. Tampouco encontrou razões para ordenar Minha morte.

Conduzido a Pilatos, as acusações prosseguiram. E Pilatos, para dar contentamento à turba, condenou-Me às torturas da flagelação e a coroação de espinhos (São João, 19,1)

Oração

Jesus, eu vos amo, vos adoro e reparo. Vos console e vos bendigo, em Vossos juízos diante de Pilatos e Herodes.

Por vossos juízos, Jesus, Divino Prisioneiro, livrai-nos da indiferença; livrai-nos de lavarmos as mãos diante da injustiça do direitos da Igreja e de Deus.

Concedei ao coração do mundo a humildade, para que, reconhecendo-se pecador, se converta; para que no mundo se faça a realidade do reino da paz e da reconciliação, Reino que virá por meio do Triunfo do Coração Doloroso e Imaculado de Maria. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

SEXTA ESTAÇÃO

Jesus é flagelado e coroado de espinhos

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 15, 17-19)

Os soldados o vestiram de purpura e trançando uma coroa de espinhos, a cingiram na cabeça, e puseram-se a saudá-lo: Salve Rei dos judeus! E lhe golpeavam a cabeça com uma cana. Cuspiam-Lhe e, dobrando os joelhos, se prostravam diante Dele.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus:

Jesus é flagelado e coroado de espinhos

Minha pequena vitima: Meu Coração, Prisioneiro Divino, deseja seguir desafogando o Amor Divino Salvífico levado ao excesso do Sacrifício pelas almas.

Querido filho: antes da condenação final, pronunciada pelo governador romano, e querida pelo Sinédrio e a turba judicia, fui brutalmente torturado.

Essas torturas, da flagelação e da coroação de espinhos, foram decretadas por Pilatos, para dar contentamento às turvas movidas pelo ódio e pela rejeição à Verdade Divina do Verbo Encarnado.

Levaram-Me ao pátio interior do palácio romano, e uma coluna de um metro, fui atado e desnudado frente aos soldados romanos, a guarda do Templo e do Sinédrio.

Recebi em Minha Flagelação, atado a coluna, 3.000 açoites. Cada açoite e cada golpe eram mais dolorosos que o anterior. Pois a intensidade do ódio ia sendo infundida, por cada golpe nos corações dos soldados verdugos

Ao terminar a flagelação fui retirado, arrastado por Minhas Mãos e Meus Pés. Meu Corpo Sacrossanto recebeu mais escárnio quando Me arrastaram da coluna para o corredor, que estava frente onde fui flagelado. E ali, Me esperava um capacete de espinhos, que rodeou Minha cabeça. E com seus espinhos afiados, torturou Minha Sagrada Fonte.

Tiraram-Me o capacete de espinhos, rasgando-Me novamente, para colocar Minha túnica. Quando estava vestido com Minhas roupas, voltaram a colocar-Me o capacete de espinhos.

Meu Santo Rosto e Minha Sagrada Cabeça, banhados em sangue, foram apresentados ao povo judeu. Nesta mesma praça estava Minha Mamãe Santa, Dolorosa e Sofrente, oferecendo-se junto Comigo e orando por nossos inimigos.

Pilatos pronunciou o “Ecce Home – eis aqui o Homem” (São João 19,5), e lavando as mãos, Me entregou ao povo judeu para que Me crucificasse, sendo exposto como o pior malfeitor.

Desci os degraus do Pretório Romano para o centro da praça, para encontrar a Cruz Redentora.

Oração

Jesus, Meu Divino Prisioneiro, amarrado e flagelado por amor, amo-vos, adoro-vos, bendigo-vos, dou-vos reparação e console por todos.

Jesus, nosso Rei, na Divina Vontade, vos pedimos perdão por nossa incoerência de vida, por fazer prevalecer nosso egoísmo. Que a violência do coração humano seja vencida por Vossa Divina Mansidão.

Na Divina Vontade, tomo vossos sofrimentos da Flagelação e Coroação de Espinhos, e os uno a todos os sofrimentos do mundo, para que nosso oferecimento sirva para trazer paz e salvação al mundo.

Na Divina Vontade, Rei Coroado de Espinhos, de Rosto sereno e pacífico, quero dar-vos por toda a humanidade, a honra e a glória, e pedir-vos, pelas Dores Santíssimas de Vossa flagelação e coroação de espinhos, o Triunfo do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, a vinda de Vosso Reinado Eucarístico. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

SÉTIMA ESTAÇÃO

Jesus é sobrecarregado com a Cruz

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 15, 20

Depois de zombarem Dele, tiraram a púrpura, puseram-Lhe as roupas e O tiraram para fora para crucificá-lo.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus Condenado a Carregar a Cruz

Minha pequena vitima: ao ser apresentado por Pilatos ao povo judeu, continuavam clamando Minha morte de Cruz, sugerida por seus líderes religiosos, de tal modo que Pilatos acedeu ao que eles queriam: Minha Morte na Cruz.

Condenaram-Me a morrer na Cruz. Desci os degraus que uniam a praça da plataforma de Pilatos. No centro do pátio já estavam ordenados os soldados com a Cruz, para que Eu a tomasse e a carregasse sobre Meu Ombro Direito.

Com empurrões e lategaços, me aproximaram da Cruz. Tomei Minha Cruz, abraça-a, exaltando-a, beijei-a e a coloquei sobre Mim.

Minha Santa Mamãe viu como Seu Filho Divino amava a Cruz. Minha Santa Mamãe orava, e com seus oferecimentos, também Comigo, carregava esta Cruz de Amor.

Saindo do recinto romano, fui empurrado violentamente por um dos soldados e caí por primeira vez, Meu Santo Rosto e Meus lábios foram golpeados ao cair sobre o caminho empedrado, e. Minha Testa, nesta queda, sofreu cruelmente, porque os espinhos causavam mais dor ao penetrar mais em Minha Sagrada Cabeça.

Acompanha-Me filhinho, e com o Doloroso e Imaculado Coração de Maria, consola-Me.

Oração

Jesus, amo-vos, adoro-vos, consolo-vos; reparo-vos e bendigo-vos. Acompanho-vos em Vossa via Dolorosa, por mim e por todos. Tomo vossa obediência total ao Pai Terno e Misericordioso, no momento de vosso Fiat, ao tomar sobre Vós a Cruz, para redimirmos.

Jesus, aos vossos apóstolos eucarísticos, dai-lhes a graça de compartilhar Vossos Sofrimentos, Vossas Dores. Na vida quotidiana, com a Cruz Gloriosa em nosso peito, ajudai-nos a sermos instrumentos de paz e de amor.

Jesus, quero consolar e reparar vosso Sagrado Coração, carregando a Cruz.

E com vosso Santíssimo Rosto cansado, por meio do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, e pelo sofrimento de vossa condenação a morte na Cruz, trazei-nos o Reino Eucarístico de Vosso Sagrado Coração. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

OITAVA ESTAÇÃO

Jesus é ajudado por Cireneu a carregar a Cruz

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 15, 21

Então, obrigaram a alguém que passava, Simão de Cirene, que voltava do campo, o pai de Alexandre e de Rufo, a que levasse a cruz.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus é ajudado por Simão de Cirene

Minha pequena vitima: prossegue Comigo o belo caminho da Cruz. É belo, porque neste caminho prevaleceu o Amor Misericordioso que se doou sem reservas pelas almas.

Eu ia carregando aquela Cruz Bendita. Era a Cruz do mundo. E seu peso era tão enorme, como o é o mundo.

Cada dor Minha, era um pecado cometido, desde o original até o último pecado cometido pelo último homem que exista na terra.

Caí pela segunda vez, próxima da rua que se dirige ao Cenáculo. Nesta queda, meu Ombro Direito foi deslocado, e a dor que senti foi indescritível. Pois era a dor do Pastor Divino Ferido (São Mateus 26, 31) pelos pecados de seu rebanho.

Passava próximo daquela rua, um cireneu chamado Simão. Homem justo e piedoso. Mas por temor a turba judia, passava ao longe. Mesmo assim, o centurião apontou para ele e o chamou para que carregasse Comigo a pesada Cruz.

Simão aproximou-se, tomou o braço direito da Cruz, para dar descanso ao Meu Ombro deslocado, enquanto Eu carregava o braço esquerdo.

Simão ficou impressionado de ver-Me naquele estado. Meu rosto ensanguentado ficou gravado no coração de Simão. Enquanto era gravado, visivelmente no véu de Santa Verônica.

Gravado Meu Rosto no véu da piedosa Verônica, continuei, com a ajuda de Simão, Meu caminho para o Calvário.

Oração

Jesus, amo-vos, adoro-vos, consolo-vos, reparo-vos e vos bendigo por todos.

Em Divina Vontade, tomou em Mim o amor e a piedade, com que o Santo Cireneu Vos ajudou com a Cruz de Amor; de modo que no vejais a Simão, mas a mim, carregando Convosco a mesma Cruz.

Ofereço ao Pai Terno e Misericordioso a dor, a fadiga, vosso Santo Rosto carregado com o cansaço.

Jesus, como posso carregar com minha cruz? Ensinai-me Jesus, com vossa Graça. Vencei-me. Afastai de mim o medo; medo ao medo, medo ao oferecimento, ainda da mais pequena dor. Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, apiedai-vos de mim. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

NONA ESTAÇÃO

Jesus encontra as mulheres de Jerusalém

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Lucas 23,27-28. 31

Seguia-Lhe uma grande multidão do povo, e mulheres que doíam e lamentavam por Ele. Jesus, voltando-se para elas disse: “Filhas de Jerusalém: não chorem por Mim. Antes, chorem por vocês e por seus filhos. Porque se com o lenho verde fazem isto, com o que seco, que farão?”

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus consola as mulheres de Jerusalém

Minha pequeña vitima, Manoel do Meu Sagrado Coração: no caminho da Cruz, ainda que avançasse para Meu sacrifício de Cruz com a dor da tortura, sempre demonstrei Meu Amor, Misericórdia e Poder.

Próximo da porta que conduz à periferia de Jerusalém, pela torrente do Cedron, e próximo do Monte da Caveira, um grupo de piedosas mulheres que Me havia escutado pregar, mães de filhos que curei, Me seguiam.

Forem retidas em Meu seguimento pelos centuriões romanos. Então, Eu, vendo isto, dirigi-Me para elas, pois estavam a um lado do caminho, e com todo amor e compaixão, Meu Sagrado Coração Eucarístico lhes disse:

“Filhas: não chorem por Mim (São Lucas 23, 27-31). Em troca, chorem por seus pecados e pelos pecados de seus filhos, que são os que causam este tormento em Minha Humanidade Divina. Ditosas aquelas que não caíram voluntariamente na desgraça de Deus, porque o castigo para os que, livremente, e com prévio conhecimento, ofendem o Pai, será grande. Olhem que ao lenho verde fazem isto. Então, como serão tratados os lenhos secos pelo pecado.”

Oração

Jesus meu: amo-vos, adoro-vos, bendigo-vos, reparo-vos e consolo-vos por todos os homens. Tomo como meus, os lamentos, as lágrimas e as dores de compaixão das mulheres piedosas que vos seguiam. Jesus, em vosso Santo Rosto, resplandecia a Luz do Pai Terno e Misericordioso, a Ternura do Coração Maternal de nossa Mamãe Divina.

Tende compaixão da Jerusalém do mundo, abençoado por vosso Amor Misericordioso. Mas destroçado pelo ódio e a vontade humana.

Dai a humanidade o Dom da Ressurreição da Divina Vontade. Ensinai-nos a ter piedade de nós mesmos e dos demais. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

DÉCIMA ESTAÇÃO

Jesus é crucificado

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho Segundo São Marcos 15, 24

Crucificaram-No e repartiram suas vestes, jogando a sorte para ver quem levava dada uma.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus é Crucificado

Querido filho: subi ao Monte Gólgota com a Cruz às costas. E subindo o Monte, a metade do caminho que leva para a explanada do mesmo, caí novamente. Esta queda foi aliviada pela ajuda do Cireneu, que susteve a Cruz, e esta não caiu sobre Mim.

Me Rosto foi golpeado nas rochas do caminho, e Minha Coroa de espinhos novamente rasgou profundamente minha Testa já lacerada.

Esta queda a ofereci ao Pai Terno e Misericordioso, pelos homens que, podendo abrir seu coração à Minha Misericórdia, não querem reconciliar-se Comigo. E a ofereci por todas as almas que rejeitariam o Sacramento da Penitência.

Chegando ao cume do monte, olhei para Minha Santa Mamãe, subindo por outro lado do monte, acompanhada de São João Evangelista, Santa Maria Madalena, alguns discípulos e mulheres piedosas.

Meus Apóstolos, os outros dez, estavam dispersos e com medo.

Quando cheguei com Minha Cruz ao cume do monte, fui jogado por terra. Simão, o Cireneu piedoso, foi expulso dali com raiva e insultos, por parte dos centuriões. Pois puderam ver nele, o amor que começou a professar-Me, no pequeno trecho do caminho de Cruz, que Me acompanhou.

Tiraram-Me Minha Túnica, dividindo-a em duas partes, e Me deitaram sobre a Cruz. Ataram-Me Minhas Mãos e Pés, e Me traspassaram com grandes cravos. Meu Braço foi deslocado, ao estirarem-no, para que Minha Mão ficasse exatamente no ponto sobre a madeira, onde seria traspassada pelo cravo.

Traspassaram Minhas Mãos e Meus Pés. Levantaram-Me sobre aquela Cruz de três metros e meio de altura, e puseram sobre Minha Cabeça o letreiro que Me declarava Rei, profetizando que, desde a Cruz Gloriosa, Eu Reinaria pelo amor (São Marcos 15, 24)

Minha Santa Mamãe ao ver a exaltação da Cruz e Meu Corpo Sacrificado nela, só pude pronunciar: “Faça-se Tua Vontade.”

Oração

Meu amado Jesus Crucificado: amo-vos, adoro-vos, reparo-vos, louvo-vos, bendigo-vos, consolo-vos por todos.

Coração Sacratíssimo de Jesus, cravado por nosso amor na Cruz, dai-nos vossa liberdade, vossa força e a graça que transforma todos nossos atos em obras de Divina Vontade, que fazem resplandecer vosso Amor Misericordioso, para quantos procuram vosso Rosto.

Pelo Doloroso e Imaculado de Maria, agudai-nos a participar de Vossos Sofrimentos, vossa Paixão e Vossa Dor pelas almas.

Que os apóstolos de vosso Sagrado Coração Eucarístico, vos demos adoração perene, reparação perpétua e agradecido louvor. Amém.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

DÉCIMA PRIMEIRA ESTAÇÃO

Jesus promete seu Reino ao bom ladrão

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho Segundo São Lucas 23: 39-43

Um dos malfeitores pendurados O insultava: “Não és tu o Cristo? Pois, salva a ti e a nós!”

Mas o outro respondeu-lhe dizendo: “Não temes a Deus, tu que sofres a mesma condenação? E nós, com razão, porque nós o merecemos, com nossas ações. Em troca, este, nada de mal fez.”

E dizia: “Jesus, lembra-te de mim quando venhas com teu Reino.”

Jesus lhe disse: “Eu te asseguro: hoje estarás comigo no Paraíso.”

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus promete o Reino ao ladrão arrependido

Manoel do Meu Sagrado Coração: quando fui levantado na Cruz de Amor, também, comigo foram crucificados dois malfeitores, dois desprezados da sociedade, por seus atos delituosos (São Lucas 23, 39-43)

Eu havia sido colocado no meio deles para ser comparado e contado entre os malfeitores. Assim acreditavam as autoridades judias, que, ao ser rebaixado a esse nível, com os malfeitores, a Justiça Divina Me flagelaria, como outro pecador mais. Entretanto, não sabiam que Eu Sou a Justiça Divina Encarnada, que se submeteu para salvar a todos.

Entre os ladrões, encontrava-se Dimas. Ele foi o único que saiu em Minha defesa. Enquanto que Gestas, o outro malfeitor, insultava-Me e impunha-Me salva-los daquele castigo.

Dias, exclamou dizendo-Me: Senhor, lembra-te de mim quando estiveres em teu Reino. E Eu, todo amor Misericordioso, lhe disse: “hoje mesmo estarás Comigo no paraíso.”

Neste momento Dimas se arrependeu verdadeiramente. Vendo Meu Santo Rosto Ensanguentado e Sofrente, Dimas viveu seu pequeno aviso ou iluminação de consciência, e foi absolvido por Meu Moribundo e Divino Coração, de seus pecados, porque aceitou seu pequeno aviso e se arrependeu.

Oração

Jesus, amo-vos, adoro-vos, reparo-vos, bendigo-vos, louvo-vos, consolo-vos, amo-vos por todos.

Jesus, prometestes o paraíso, não só para Dimas, mas nele, para todos os pecadores. Nós também vos falamos desde nossa cruz, e vos pedimos: lembrai-vos de nós. Enviai vosso Reino Eucarístico à humanidade.

Fazei que venha vosso Reino de consolo, junto à promessa esperançosa do Triunfo do Coração Doloroso e Imaculado da Mamãe Rainha.

Jesus, Condenado de Rosto Misericordioso, em Divina Vontade, recebei nossa reparação, e nossos espíritos humilhados por nossos pecados, e nossa humana vontade desviada; queremos ser como Dimas, que ainda em sua própria cruz, fixou seu coração em Vosso Sagrado Coração, e arrependido abriu-se à vossa Misericórdia. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

DÉCIMA SEGUNDA ESTAÇÃO

Jesus na Cruz, a Mãe e o Discípulo

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho Segundo São João 19: 26-27

Jesus vendo sua Mãe, e junto a Ela o discípulo a quem amava, diz à sua Mãe: “Mulher, aí tens teu filho. Logo disse ao discípulo: Aí tens tua Mãe. E desde aquela hora o discípulo a acolheu em sua casa.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus Crucificado, Sua Santíssima Mãe e o Discípulo Amado junto à Cruz

Minha pequena vitima: estando Eu traspassado pelos cravos que Me uniam à Cruz de Amor Salvífico, junto a Minha Santa Cruz, encontrava-se Minha Celestial Mamãe, sustentada por São João, Meu amado discípulo (São João 19, 26-27), e na base da Cruz Bendita, encontrava-se ajoelhada Santa Maria Magdalena, meus consoladores.

O ladrão arrependido seguiu o sano exemplo destes primeiros reparadores. E ele, ainda sofrendo também, converteu-se em reparador, ofertando-Me seu arrependimento sincero.

Ao ser levantado na Cruz, disse: “Pai! Perdoa-os porque não sabem o que fazem. A rejeição à verdade os cegou totalmente. Não recebem Minha Palavra e não escutam Minha Mensagem do Evangelho!”

Minha Mamãe Celeste, encontrava-se reparando por todos e oferecendo consolo em seuDoloroso e Imaculado Coração, por todas as almas dos pecadores. Meu Coração uniu-se ao Coração de Minha Santa Mamãe, e oferecemos novamente os Dois Corações, nossa Aliança de Corações ao Pai Terno e Misericordioso. Disse à Minha Santa Mamãe:

“Em João, Meu mais pequeno discípulo, Mamãe Imaculada, te entrego a todos os homens, como teus filhos. E em ti, João, entrego todos os homens para Minha Mamãe Virgem, como Mãe de toda a criação. Minha Santa e Imaculada Mamãe é a Corredentora da Redenção que Eu, hoje realizo.

A escuridão invadiu tanto Minha Alma; o pecado encheu Minha Alma de trevas.

Sem Eu jamais ter cometido pecado, sofri as terríveis trevas de uma alma em desgraça de Deus, que cheguei a Me sentir só, sem Meu Pai, e abandonado pelo Espirito Divino.

Todo um Deus se abandonou a si mesmo, por amor das almas.

Esta solidão foi tão profunda e infinita, que Deus se sentiu só. E assim, abandonado no Altar da Cruz, exclamei: “Deus Meu, por que Me abandonaste?”

Meu Sagrado Coração, abandonado nesta noite escura que sofreu, onde todas as noites escuras das almas se acumularam em uma só escuridão sobre Minha Santa Alma, sentiu sede: sede do amor do homem; sede de suas almas, sede de almas, sede da salvação eterna, sede que nunca é apaziguada, pois não quero que nenhum se perca. E esta sede a sofre em cada Tabernáculo Eucarístico no mundo.

Ao sofrer todo Meu suplicio de Redenção, já todas as profecias e toda a Obra de Salvação se havia cumprido perfeitamente na Cruz.

Na Cruz, como Minha Santa Mamãe, tudo se cumpriu, e em cada Santo Sacrifício da Missa, se cumpre perfeitamente, pela salvação das almas.

Ao cumprir com a Divina Vontade do Pai Terno e Misericordioso, e ao ser fiel até a morte na Cruz, cumprindo fielmente Minha Missão Redentora, e entregar-Me sem reservas por amor aos homens, entreguei Minha Alma Santíssima a Deus Pai Terno e Misericordioso; e no Espirito Santo, e unido à Divina Vontade do Pai Misericordioso, ofertei Minha Vida Inteira. Esta entrega de Meu Espirito ao Pai Terníssimo em cada Santo Sacrifício da Missa, se renova e se renovará até o último dia neste Sacrifício Perpétuo da Santa Eucaristia.

Oração

Jesus: amo-vos, adoro-vos, bendigo-vos, reparo-vos, louvo-vos, consolo-vos, amo-vos por todos.

Em Divina Vontade, e pelo Coração Doloroso e Imaculado de minha Santa Mamãe, Jesus, desde a Cruz de Amor, dirigis vosso Olhar para nossa Corredentora, e assim, em meio de vosso sofrimento, vos despojais do Amor Maternal e no-lo dais. Jesus, fonte de vida, concedei-nos adorar vosso Santo Rosto. Rosto que nos guia ao Pai Terno e Misericordioso.

Unidos, vossos apóstolos destes Últimos Tempos ao Coração Doloroso e Imaculado de Maria, à Igreja Triunfante, Padecente e Militante, vos oferecemos em reparação e consolo, nossa gratidão, nosso amor, e nosso arrependimento.

Adoramos, em Divina Vontade, Vossa Loucura, vossa Loucura de Amor na Cruz, e oferecemos esta Santa Loucura de Vosso Amor, pela vinda de Vosso Reino Eucarístico e Triunfo do Coração Corredentor de Nossa Senhora. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

DÉCIMA TERCEIRA ESTAÇÃO

Jesus morre na Cruz

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo São Marcos 15, 34. 36-37

As três da tarde gritou Jesus com forte voz: Eloí, Eloí, lema Sabactaní?  – que quer dizer – Meu Deus, Meu Deus! Por que me abandonastes?

Então, um deles correu para molhar uma esponja em vinagre e, prendendo-a a uma cana, ofereceu-lhe para beber, dizendo: Deixa. Vamos ver se Elias vem desprende-lo. Mas Jesus, lançando um grande clamor, expirou.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus morre na cruz

Vitima de meu Sagrado Coração: Jacente na Cruz de Amor mostrou-se toda minha Misericórdia, em plenitude, para os homens. Antes de expirar disse a meu Pai Terno e Misericordioso: Adonai, em tuas Mãos encomendo meu Espirito.

No Calvário, ao expirar, meu Espirito foi arrebatado ao Trono Glorioso. No momento de meu Grito, o que exclamei foi a palavra: Fiat. Minha Santíssima Mamãe unida a Mim, e seu Coração lacerado pela dor, também exclamou com dor: Fiat.

Neste instante, depois de meu grito de louvor e de conformidade com a Divina Vontade, expirei, e minha Sagrada Cabeça inclinou-se para meu Peito. Meus Olhos ficaram fechados e minha Boca entreaberta. Meus Membros se deixaram cair. Só se sustinham pelos duros cravos.

Minhas Santa Mamãe também morreu Comigo de uma maneira Mística. Assim, nossos Dois Corações sofreram todas as mortes de todas as almas. Mortes ocasionadas pelo pecado.

Uma Gota de Água do Céu, uma Lágrima Divina do Pai, comovido pela Morte do Filho, caiu sobre a terra. A terra inteira se comoveu e assim a criação gritou, em seu abalo, seu próprio Fiat.

Humanidade: não sejas indiferente à Morte do teu Senhor.

 

Oração

Jesus: amo-vos, adoro-vos, bendigo-vos, reparo-vos, consolo-vos, amo-vos, louvo-vos por todos.

Jesus Bendito: nunca como na Hora de vossa morte estivestes mais próximo de nós, como um de nós.

Jesus impotente e cheio de angústia e dor: os cravos traspassaram vossa Carne Santa, mas sobretudo vossa Alma Santíssima. Sofres pela Dor do Coração de vossa Mamãe Imaculada, escolhida para ver seu próprio Filho Divino Morrer.

Em amor e obediência aceitastes a Divina Vontade do Pai Terno e Misericordioso, e nossas angústias e desesperanças. Pela Dor de vossos Sagrados Corações Unidos, no veio a luz e todo consolo, uma esperança de eternidade. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

DÉCIMA QUARTA ESTAÇÃO

Jesus é posto no sepulcro

V. Adoramos-vos, Cristo, e Vos bendizemos.

R. Que por Vossa Santa Cruz redimiste o mundo e a mim, pecador.

Do Evangelho segundo San Marcos 15, 46

José de Arimatéia, comprando um lençol, o desprendeu da cruz; envolveu-o no lençol e o colocou no sepulcro, que estava escavado na rocha. Logo fez rolar uma pedra sobre a entrada do sepulcro.

Chamado de Amor e Conversão do Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Jesus é colocado no sepulcro

Ao baixarem-me de minha Cruz de Amor, me entregaram nos Braços de minha Mamãe Santa.

O véu que cobria minha cintura, foi o véu que minha Santa Mamãe utilizava debaixo de seu Manto, e quando fui posto em seus Braços me envolveu em seu Manto Santo.

José de Arimatéia, Nicodemos e João, puseram meu Corpo Jacente em um lençol branco, que uma piedosa mulher entregou no caminho da Cruz para Maria Madalena. Envolveram-me neste lençol; tomaram meu Corpo, e caminharam para a parte baixa do Calvário.

Havia ali um jardim novo, e nele, uma cova nova, que constava de uma entrada principal, a pedra ou mesa da unção, e o lugar onde repousaria meu Corpo.

Na pedra da unção, minha Mamãe Imaculada preparou meu Corpo com a mirra, aloé e aceites.

Penteou meus Cabelos e Barba. Limpou minhas Santa Chagas. Mas o fez de maneira rápida, já que o dia declinava. E Nicodemos e Arimatéia suplicaram à Dolorosa Mamãe, que se retirasse do sepulcro, e selando a entrada com a pedra, se retiraram; e minha Mamãe Santa foi levada ao Cenáculo, onde, em seu Aposento, também sentiu sua Alma Imaculada morrer junto a de seu Filho.

Desde o Aposento, minha Santa Mamãe podia olhar o Gólgota. Ali, em espirito, adorou, reparou, amou e morreu Comigo.

Sobre uma pequena mesa, colocou o véu que cobriu minha cintura, a coroa ou capacete de espinhos e os três cravos.

A escuridão envolvia a terra inteira. O Grande castigo não caiu sobre a terra neste mesmo instante, pelas reparações do Coração Doloroso e Imaculado de minha Mamãe. Pois minha Mamãe Imaculada, quando regressou a Jerusalém, voltou venerando os lugares onde seu Filho Divina padeceu.

Minha Mamãe Santa realizou o primeiro exercício piedoso da Via Crucis na história de minha Igreja.

Oração

Jesus meu, morto e sepultado: amo-vos, adoro-vos, bendigo-vos, beijo-vos, consolo-vos, reparo-vos, vos abraço na Divina Vontade, e por meio do Coração Doloroso e Imaculado de minha Mamãe em sua solidão

Jesus, Vós vos fizestes o mais pequeno entre os homens. Vos deixastes cair na terra como um grão de trigo. Agora, deste grão germinou a árvore da Vida, que abraça o universo.

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, morto e sepultado, em todos os Tabernáculos do mundo, fazei que, assim como as piedosas mulheres foram cedo a vossa tumba, com bálsamo e unguentos, também nós, apóstolos de vosso Sagrado Coração, venhamos para Vós, com os aromas e perfumes de nosso pobre amor, reparação e sincera conversão.

Jesus, nos tabernáculos das igrejas, Vós esperais e anelais por alguém, que saiba fazer-se pequeno e humilde como vós na Eucaristia; adorar-vos e testemunhar, como autêntico apóstolo, vosso amor diante dos homens, reconhecer-vos no pobre e no que sofre.

Fazei que cada um de nós se converta em apóstolo adorador e testemunha vossa, no Mistério do Sacrário e no sacramento do homem faminto, sedento, enfermo.

A vós, Jesus do Rosto sereno na rígida solenidade da morte, nosso amor reparador e nossa adoração, por meio do Coração Doloroso e Imaculado de Maria, nesta hora tardia dos Últimos Tempos, e no dia que não conhece ocaso. Amém. Fiat.

Pai Nosso.

A Ave Maria dos Últimos Tempos: Ave Maria, cheia de graças, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre todas as mulheres, e bendito é o Fruto do vosso Ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus e Mãe nossa, Corredentora das almas, rogai por nós pecadores, e derramai as graças eficazes da vossa Chama de Amor, de vosso Doloroso e Imaculado Coração sobre toda a humanidade, agora e na hora de nossa morte. Amém.

Jaculatória

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus, perdoai-nos e salvai o mundo. Amém.

Coração Doloroso e Imaculado de Maria, rogai por nós, que nos refugiamos em Vós. Amém.

Stabat Mater Dolorosa

De pé, a mãe dolorosa junto da cruz, lacrimosa, via o filho que pendia

Na sua alma agoniada enterrou-se a dura espada de uma antiga profecia.

Oh! Quão triste e quão aflita entre todas, Mãe bendita, que só tinha aquele Filho.

Quanta angústia não sentia, Mãe piedosa quando via as penas do Filho seu!

Quem não chora vendo isso: contemplando a Mãe de Cristo num suplício tão enorme?

Quem haverá que resista se a Mãe assim se contrista padecendo com seu Filho?

Por culpa de sua gente Vira Jesus inocente Ao flagelo submetido.

Vê agora o seu amado pelo Pai abandonado, entregando seu espírito.

Faze, ó Mãe, fonte de amor que eu sinta o espinho da dor para contigo chorar

Faze arder meu coração do Cristo Deus na paixão para que o possa agradar.

Ó Santa Mãe dá-me isto, trazer as chagas de Cristo gravadas no coração.

Do teu filho que por mim entrega-se a morte assim, divide as penas comigo.

Oh! Dá-me enquanto viver com Cristo compadecer chorando sempre contigo.

Junto à cruz eu quero estar quero o meu pranto juntar Às lágrimas que derramas

Virgem, que às virgens aclara, não sejas comigo avara dá-me contigo chorar.

Traga em mim do Cristo a morte, da Paixão seja consorte, suas chagas celebrando. 

Por elas seja eu rasgado, pela cruz inebriado, pelo sangue de teu Filho!

OFERECIMENTO DA PAIXÃO DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO AO PAI ETERNO

Deus Pai Terno e Misericordioso: nos unimos à Igreja Triunfante, Padecente e Militante, para oferecer-vos, em Divina Vontade, por meio do Doloroso e Imaculado Coração de Maria, em união do Espirito Santo, a Dolorosa Paixão Redentora de nosso Senhor Jesus Cristo, que, por nosso Amor e nossa Salvação Eterna, quis padecer, em reparação e expiação de nossos pecados e da humanidade passada, presente e futuro.

De maneira especial, amadíssimo Pai Nosso, queremos implorar-vos: pelas almas estagnadas no pecado e nos vícios; pelas almas que estão em perigo de condenar-se, pela libertação das almas do Purgatório, pelas almas que neste instante estão em seu Juízo Particular, pela Santa Igreja Católica, o Santo Padre e todos os Consagrados, pela destruição do mal, que ainda existe nos corações humanos; pela destruição dos planos e do reino de satanás, para que o mundo inteiro reconheça o Coração Eucarístico de Jesus, como único Deus, Senhor e modelo a seguir.

Deus Pai Terno e Misericordioso, que, em vosso Sano Querer, minhas orações cheguem até vós, por meio do Coração Doloroso e Imaculado de minha Mamãe Celestial, e seja recebido eu clamor, como se toda a humanidade estivesse orando.

Assim, minha oração humilde, seja expansiva para todos meus irmãos e irmãs, e o orvalho do Novo Pentecostes seja derramado em todos os corações, e viver os Frutos de vosso Reino Eucarístico, que são o Amor e a Misericórdia. Amém.

Três vezes oramos:

Que vossas Lágrimas de Sangue, ó Mãe Dolorosa, destruam o reino do inferno. Por vossa Divina Mansidão, ó encadeado Jesus, guardai o mundo dos horrores ameaçantes.

Pai Nosso, Ave Maria dos Últimos Tempos, pelas intenções do Santo Padre e as necessidades da Igreja e do Apostolado.

Jaculatória Final

Sagrado Coração Eucarístico de Jesus

Doloroso e Imaculado Coração de Maria

Casto e Amante Coração de São José

Triunfai e Reinai.

V: Cristo se fez obediente até a morte.

R: E recebeu morte de Cruz, para salvar-nos.

† Em Nome do Pai, e do Filho, e do Espirito Santo. Amém.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: